quinta-feira, 11 de outubro de 2007

Areia
João Tiago S. F.

A nossa história escrita começa desenhada na areia e acaba no fundo da tua gaveta.

Samuel Velho

4 comentários:

kadgi disse...

Finalmente neste lugar...

Curioso, uma foto tão romântica e uma resposta tão lúgrebe?

Se eu vejo a foto como sendo sobre o inicio, o texto como sobre o fim, então o post é o pessimismo?

Did you ever ever wanted to right that song, Samuel?
:)

blonde redhead disse...

There are some things that not even darkness nor wind can erase.

*

Aeternium disse...

há tempestades de areia constantes que nunca nos deixam escrever histórias ou sequer chegar a ser papael de carta num qualquer gaveta... há histórias que nunca chegam a começar porque estão sempre a ser apagadas pelo vento... há inicios que nunca têm um fim... só têm outro inicio...

a carne do meu coração disse...

when there's nothing left to burn you have to set yourself on fire*