sexta-feira, 20 de julho de 2007

Pele
João Tiago S. F.

De todos os caminhos que eu percorro o que mais me esgota é quando finjo não querer explodir cada vez que anoiteço no teu corpo.

Samuel Velho

3 comentários:

a carne do meu coração disse...

anoiteço, amanheço, anoiteço, amanheço e fujo...*

Aeternium disse...

anoiteço, anoiteço, anoiteço, anoiteço e tu nunca chegas...*

Silvia Rodrigues disse...

E depois desta poesis... A loira diz :
QUERO IR AO ZOO!
:p